Política COP26

Às vésperas da COP26, governo cria comitê sobre mudanças climáticas

Por Administrador

25/10/2021 às 21:06:18 - Atualizado h√°

Ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, diz que país tem vantagens competitivas para nova agenda verde mundial - Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil

O anúncio ocorre a menos de uma semana do início da 26¬™ Conferência sobre as Altera√ß√Ķes Clim√°ticas (COP26), que ser√° entre os dias 31 de outubro e 12 de novembro, em Glasgow, na Escócia. Trata-se do principal encontro da Organiza√ß√£o das Na√ß√Ķes Unidas (ONU) sobre clima e meio ambiente, e deve reunir representantes de mais de 190 países. A comitiva brasileira ser√° liderada pelo ministro do meio ambiente.

No início do mês, Leite havia dito que o Brasil apresentar√°, na COP26, a meta de zerar o desmatamento ilegal antes de 2030, sem dar mais detalhes sobre como alcan√ßar o objetivo. O mesmo compromisso j√° havia sido antecipado pelo presidente Bolsonaro em abril.

Comitê interministerial

Por meio de decreto, o governo criou o Comitê Interministerial sobre Mudan√ßa do Clima e Crescimento Verde, composto por 11 órg√£os federais, e que vai deliberar sobre a aplica√ß√£o de recursos oriundos de bancos públicos em projetos de conserva√ß√£o ambiental.

"Da mesma forma que o PPI [Programa de Parcerias de Investimentos] é um mecanismo de coordena√ß√£o de investimentos na economia convencional, nós vamos ter agora nosso comitê de crescimento verde, que vai integrar esses ministérios, Agricultura, Meio Ambiente, Economia, mas também, fundamentalmente, os bancos públicos", afirmou o ministro da Economia, Paulo Guedes.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, participa de lançamento do Programa de Crescimento Verde do Governo federal

Ministro da Economia, Paulo Guedes, diz que ser√° um comitê de crescimento verde - Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil

Segundo o que foi anunciado, o programa contar√° com recursos nacionais e internacionais, públicos ou privados, reembols√°veis e n√£o reembols√°veis, fundos de impacto e investimentos de risco na acelera√ß√£o de projetos e iniciativas sustent√°veis.

Atualmente, de acordo com o governo, as linhas de crédito relacionadas a projetos ambientais oferecidas pelos bancos públicos, como Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), somam R$ 400 bilh√Ķes. Esses recursos contemplam projetos em √°reas como: conserva√ß√£o e restaura√ß√£o florestal, saneamento, gest√£o de resíduos, ecoturismo, agricultura de baixa emiss√£o, energia renov√°vel, mobilidade urbana,transporte e logística, tecnologia da informa√ß√£o e comunica√ß√£o e infraestrutura verde.

Comunicar erro
Prime News

© 2021 Prime News - Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Prime News
CORES DEMO
PERSONALIZADA

Acesse a administra√ß√£o do portal e veja todas as possibilidades e op√ß√Ķes de personaliza√ß√£o de cores, blocos, widgets e v√°rios outras possibilidades. Clique aqui para ir ao painel.

OUTROS TEMAS